quinta-feira, 11 de outubro de 2012

"Chega uma época em que nos damos conta de que tudo o que fazemos se transformará em lembrança um dia.(...)" - Cesare Pavese

E eu acrescentaria que tudo o que nos fazem também será lembrado, mas as lembranças, tal como as pessoas, podem ser falsas. E assim sendo talvez prefira não lembrar.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

A recordação mais valiosa mostra, por vezes, que o presente não está a ter valor. Se o presente não tiver valor não fica nada para o recordar. Da resposta ao constraste do que é e do que foi, nasce a necessidade de tornar o que será diferente para preencher o passado, pois será importante para o futuro. Esta condição força a aceitação de coisas que foram e já não são, de frases ocas, sem o sentimento original. Acredito que a solução não passe pela cegueira mas por decisões que encham de sentimento as frases que virão. Sentimentos poderosos que tratem a dor e criem recordações valiosas.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

domingo, 16 de janeiro de 2011

Recordações



Por vezes dou por mim a divagar, sem conseguir dormir, em memorias antigas. Felizmente demasiadas para poder enumerar, porque uma recordação puxa outra e outra, provocando uma avalanche delas. Acho que a coisa mais antiga que me consigo lembrar é de ir pa praia com os meus pais plo meu própio pé enquanto o meu irmão ainda estava a aprender a andar. Há outras que não me lembro mas que gostava, como por ex. as traquinices. Lembro-me só de algumas que fazia no jardim de infância com os meus ilustres colegas. Passar a infância numa aldeia também foi uma coisa que me trás muitas recordações: as brincadeiras que acabavam com o meu irmão a aleijar-se; as correrias infindáveis atras de cães ; a suspeita da velhinha da bengala ser bruxa; a relação amor/odio com a rapariga que me ganhava em tudo; etc... Dou por mim a rir-me sozinho quando penso nisto e em muitas mais coisas. Dá vontade de esfregar uma lamparina mágica e pedir para reviver esses momentos! Levando-me a pensar que grande parte do que já vivi não foi um desperdício e que devo dar o melhor de mim hoje para me rir amanha.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Achado

Parece que o ramo que escolhi para a minha vida profissional não veio ao acaso lool (não não é trabalhar em call center :P )

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Retrospectiva

Precisa-se de empregada para me arrumar a cabeça! O ano (que ainda não acabou) teima em ser o mais estranho de sempre até à data. O trabalho, que ainda a dias terminou, regressa em doses cavalares através das cadeiras de mestrado que deveria frequentar a partir de Setembro. No entanto trabalho nesta altura é um fardo bem vindo! Preciso de me ocupar para não me sentir vazio...
Sempre fui optimista mesmo no pessimismo que por vezes me invade, e assim digo que dias melhores virão. Até lá farei sempre para que o tempo que falte valha alguma coisa. Só para acabar e como hoje não me sinto muito inspirado para fazer analogias utilizar metáforas e comparações, deixo uma frase que lí e me fez rir :

"Passamos metade da vida à espera daqueles que amamos e a outra metade a deixar os que amamos."

Boa noite, prometo ser melhor para a próxima ;)

F.M